O projeto Conexão Cultural Tigre ICRH - Palco Móvel, desembarca em Castro nesta terça-feira (16) e segue até sexta-feira (19), com apresentações de teatro e sessões de cinema no Parque Lacustre. As companhias Casa do Bispo Atelier, da cidade de Gramado (RS) apresentará o espetáculo "Dom Quixote", e a Companhia Circo Fool, de Ipatinga (MG) traz a peça "Gran Truque Circo".

Essa é a décima edição do projeto, e segundo o produtor cultural Márcio Barcellos, a expectativa é alcançar um grande público, a exemplo dos outros anos. "Esperamos a participação da comunidade para assistir aos espetáculos e aos filmes”, disse.

As apresentações acontecerão pela manhã às 8h30 e às 9h30, e à tarde às 14 e 15 horas. Na terça e quarta-feira, às 19h30 haverá sessão de cinema também no Lacustre. Na quinta-feira às 19h30 haverá mais um espetáculo teatral. E na sexta-feira, as apresentações serão apenas pela manhã.

 

Social

O Instituto Carlos Roberto Hansen (ICRH), braço social do Grupo Tigre, começou formalmente suas atividades em 30 de outubro de 2003, dando início a uma nova etapa de envolvimento social e comunitário da empresa. Tem como principal objetivo centralizar e otimizar todas as iniciativas do grupo na formação do cidadão do futuro. Concentra seus esforços na mobilização de recursos para investimentos em educação, cultura, esporte e saúde (saneamento básico, especialmente) como principal alavanca no desenvolvimento de crianças e adolescentes.

 

PROGRAMAÇÃO

Dia 16 – Terça-feira

2 apresentações pela manhã – 8h30 e 9h30

2 apresentações à tarde – 14h e 15h

Sessão de cinema às 19h30.

 

Dia 17 – Quarta-feira

2 apresentações pela manhã – 8h30 e 9h30

2 apresentações à tarde – 14h e 15h

Sessão de cinema às 19h30.

 

Dia 18 – Quinta-feira

2 apresentações pela manhã – 8h30 e 9h30

2 apresentações à tarde – 14h e 15h

1 apresentação às 19h30

 

Dia 19 – Sexta-feira

2 apresentações pela manhã – 8h30 e 9h30.

 

Espetáculo: “Dom Quixote”

Apaixonado por histórias de cavalaria, Alonso Quijano passa a acreditar que é um cavaleiro andante. Em seu delírio, muda o nome para Dom Quixote de la Mancha, veste-se com uma armadura improvisada, faz de Dulcineia sua amada, a quem quer dedicar suas glórias e seus feitos. O vizinho Sancho Pança torna-se seu fiel escudeiro. Nenhum cavaleiro andante teve a ousadia de Dom Quixote. Tampouco viveu suas aventuras e desventuras, que aqui são contadas de forma divertida e emocionante. Aliando teatro, dança e música em um espetáculo infantil, onde toda família possa aproveitar um momento lúdico de encantamento, além é claro de transmitir para as crianças conceitos morais.

Era uma vez...Dom Quixote” conta com uma pesquisa musical onde clássicos da música infantil foram resgatados a fim de fazerem as costuras na história.

 

Espetáculo: “Gran Truque Circo”

Dois mascates, frustrados por não conseguir vender seus cacarecos, mudam o rumo de sua história ao usar sucatas para apresentar um grande espetáculo. Na farsa para enganar o público, transformam-se nos artistas russos “Magrovisk” e “Pequenovisk”, mas a máscara logo cai, e mesmo assim eles tentarão agradar o público com um “trucoso” espetáculo, recheado de malabarismo, domadores, bailarinas, e a irreverência dos palhaços.