A Prefeitura Municipal de Castro, por meio da Secretaria Municipal de Fazenda, realizou na quinta-feira (12), no Centro da Juventude Wallace Thadeu de Mello e Silva, audiência pública para elaboração da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) a ser executada em 2019.

O secretário municipal de Fazenda, Emerson Fadel Gobbo, apresentou as receitas para 2019 do Município de Castro. A perspectiva é arrecadar R$ 224 milhões, incluindo impostos, repasses dos governos estadual e federal, e ainda, operações de crédito. O valor representa um aumento de 1,8% na arrecadação em relação a 2018. Desse total, 28,58% serão investidos na Educação e 23,59% na Saúde.

As metas e prioridades para o exercício financeiro de 2019 foram definidas no Plano Plurianual (PPA) elaborado em 2018 para quatro anos. 

De acordo com o Gobbo, a comunidade participou enviando sugestões para definir as prioridades na aplicação dos recursos. “Contamos com a colaboração dos munícipes e isso é muito importante para que os recursos sejam aplicados da melhor forma possível”, disse.